Blog

Quanto se economiza com energia solar no verão

Poucas pessoas sabem o quanto se economiza com energia solar no verão.


A redução pode chegar a 95% do valor da taxa mensal! Todos os anos, são registrados aumentos consideráveis na conta de luz de residências, comércios, empresas e instituições nessa época do ano. Mas isso tem solução com a geração alternativa de energia, como a da luz solar.


Vivemos em um país de clima quente, o que justifica o uso mais intenso de ventiladores, freezers, geladeiras e ares-condicionados. Inúmeras tentativas de diminuir o consumo nesses meses mais quentes se mostram ineficazes diante do sol intenso. Mas esse mesmo sol pode se tornar um aliado. Já parou para pensar em quanto se pode economizar com energia solar no verão? Esta fonte de energia pode ser melhor aproveitada durante essa estação. Veja as razões a seguir.

Como funciona o sistema de energia solar

O processo de geração de energia solar é bastante simples: painéis solares captam a luz e reagem a ela, transformando-a em energia elétrica. Esta energia então é enviada para um inversor solar, que converte a corrente e para a frequência da rede elétrica do local, tornando a energia solar utilizável como energia elétrica convencional.

Essa energia pode, então, alimentar todos os dispositivos elétricos presentes no ambiente. Se a força gerada pela instalação solar não for suficiente para abastecer toda a estrutura – devido a condições climáticas adversas, por exemplo –, utiliza-se a energia fornecida pela distribuidora. Porém, nos meses mais quentes, ocorre o inverso: geralmente se produz mais energia solar do que se consome.

Energia solar: benefícios do clima brasileiro

Para instalar um sistema de geração de energia solar fotovoltaica, o principal fator de sucesso é a escolha do local. Isso ocorre pois a irradiação solar varia muito entre regiões, até mesmo de um local para outro dentro de uma mesma cidade. Por exemplo: dois sistemas idênticos, instalados em locais diferentes, podem apresentar variados níveis de produção de energia, impactando na economia obtida por cada consumidor.

Contudo, para os brasileiros, a irradiação não costuma ser um problema. Vivemos em um país tropical, com clima extremamente favorável para a geração de energia solar: nosso verão quente é uma vantagem imensa quando falamos em geração de energia fotovoltaica. Mas para garantir a eficiência máxima dos sistemas fotovoltaicos, entender a maneira como algumas variáveis interferem na geração de energia solar é de suma importância. Certos fatores são determinantes, tais como:

1 – Duração do dia

No verão, os dias são mais longos e as noites mais curtas. A equação é simples: quanto mais luz do dia, mais alta é a produção do sistema fotovoltaico. De dezembro até março, nos países do hemisfério Sul, a produção de energia solar é turbinada pelas características naturais da estação.

Um sistema instalado de modo correto, portanto, pode gerar mais energia do que consome ao longo do verão, mesmo com o alto consumo dos eletrodomésticos. Isso faz com que haja um excedente que será convertido em créditos de energia solar junto à concessionária, trazendo a vantagem da compensação.

2 – Painéis sujos

A produção de energia solar pode cair em até 20% devido à sujeira nos painéis, que terão dificuldade em captar a luz por terem suas células fotovoltaicas obstruídas. No verão, a manutenção dos painéis ganha uma “ajuda” do clima: as fortes chuvas que caem em diversas regiões do Brasil auxiliam na limpeza das placas, gerando ainda mais economia, no caso, em manutenção. É claro que a chuva não é 100% eficaz nesse sentido, e o serviço de profissionais especializados é sempre indispensável.

3 – Chuva

Como vimos, a chuva colabora com a limpeza dos painéis solares. Por outro lado, a nebulosidade (sem a qual não há precipitação) afeta a produção de energia solar. Dias nublados geram menos energia do que os de sol pleno, mas, por sorte, as chuvas de verão, na maioria das localidades brasileiras, costumam acontecer no final do dia, coincidindo com uma menor incidência de luz natural. Assim, o que acontece é um “empate”, ou seja, a luz já não seria tão intensa de qualquer maneira, e nesse sentido, a chuva acaba sendo uma aliada no período de dezembro a março.

4 – Temperatura

Ao contrário do que se possa pensar, a alta temperatura não favorece a geração de energia solar. Ao contrário, os painéis fotovoltaicos costumam funcionar melhor em temperaturas mais baixas. Todavia, o que pode parecer uma desvantagem é algo que pode ser facilmente solucionado: existem placas de alta qualidade que apresentam ótimo desempenho e baixa absorção de calor.

Redução de custos: como economizar com energia solar

O custo de implantação de sistemas de geração de energia solar vem caindo e os incentivos aumentando. Isso se traduz em grandes oportunidades de reduzir os gastos com energia elétrica.

No geral, é possível afirmar que o custo da eletricidade para residências e empresas pode ser reduzido a uma fração da conta paga anteriormente. Com a geração fotovoltaica, um consumidor chega a gastar apenas 5% do montante habitual.

Porém, cada sistema de geração de energia solar é único e adequado à necessidade do consumidor que contrata o serviço de instalação. Assim, é preciso saber o quanto será investido no sistema de geração de energia solar fotovoltaica para poder estimar o quanto se economiza com energia solar.

E para isso, não basta saber seu consumo de energia ou estar ciente dos valores tarifários, que estão presentes na conta de energia. Também entram no cálculo fatores específicos, como a irradiação média no local da instalação, o custo com painéis e demais equipamentos e outros. Sistemas de geração fotovoltaica são muito diversos, e embora o tempo médio de retorno seja semelhante para a maioria dos investimentos, os custos de instalação variam muito de acordo com o projeto.

Invista na geração de energia solar

Agora que conhecemos as vantagens da geração de energia solar nos meses de verão e os fatores que levam a elas, fica claro que no Brasil a energia fotovoltaica é uma opção muito interessante para se explorar. Ter um sistema fotovoltaico em seu imóvel gera economia e promove a sustentabilidade, tornando residências, empresas e indústrias capazes de reduzir o consumo de energia significativamente. Para se ter ideia do quanto se economiza é só pensar que esta alternativa pode reduzir a conta de energia em até 95%.

O primeiro passo para obter todos esses benefícios é escolher um bom parceiro para projetar e instalar seu sistema de geração de energia fotovoltaica. Procure sempre por parceiros de confiança, que oferecem tecnologia de ponta, aliada ao atendimento personalizado e profissionais familiarizados com as soluções mais atuais. Não perca tempo: adote práticas de eficiência energética e descubra o quanto se economiza com energia solar no verão!


Para tirar dúvidas e obter mais informações sobre os nossos produtos, entre em contato conosco.